SENADO VOTA LIBERAÇÃO DO PORTE DE ARMA PARA MORADOR DA ZONA RURAL

Ana Volpe Div

A liberação do porte de arma para moradores da zona rural caminha rapidamente no Senado Federal. Um projeto de lei modifica o Estatuto do Desarmamento para permitir a posse de armas por moradores da zona rural do País. A proposta, de autoria do senador Wilder Morais (PP-GO), tramita na Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania da Casa. O projeto prevê que, para ter direito à posse de armas, o morador da zona rural deve ter mais de 21 anos, apresentar documento de identificação pessoal, comprovar a residência em área rural e ter bons antecedentes. Atualmente, o porte é permitido apenas aos maiores de 25 anos que comprovarem a necessidade da arma para a caça. Já a proposta permite a posse para maiores de 21 pelo fato de residirem em área rural, independentemente de precisar da arma para subsistência alimentar.

REFORMA DA PREVIDÊNCIA DÁ ALIVIO DE R$ 800 BI NO CAIXA DO TESOURO

07-06-previdencia-quebrada14788850071

Se fosse aprovado seu texto original,a proposta de reforma da Previdência encaminhada pelo governo ao Congresso, traria um alívio de R$ 800 bilhões no caixa do Tesouro Nacional. Porém, o ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, mandou um recado ao Congresso, para reduzir o entusiasmo com emendas eleitoreiras. Meirelles sinalizou nesta quinta-feira que o governo tem um piso na negociação sobre a reforma da Previdência. O piso seria garantir pelo menos metade da economia prevista no projeto originalmente enviado ao Congresso, de cerca de R$ 800 bilhões. A versão aprovada na comissão especial da Câmara dos Deputados já reduziu isso para algo em torno de R$ 600 bilhões. Para produzir efeito positivo na economia, segundo Meirelles, o número precisa ficar acima dos R$ 400 bilhões.

POR PURA MALDADE, GOVERNO SÓ PAGA SALÁRIOS ATÉ 4 MIL?

atraso

O governo do Estado anunciou ontem que, feita uma análise dos valores disponíveis no caixa do Tesouro, será possível pagar nesta sexta-feira, os vencimentos dos servidores que recebem até R$ 4 mil reais. A oposição, e a maioria dos sindicatos insiste em afirmar que o governador paga de forma parcelada, por pura maldade. O curioso é que existem até mesmo integrantes da base do governo que crédulos, se engajam nesse discurso delirante da oposição.

JOGO DUPLO DE TASSO JEREISSATTI?

tasso-jereissati000

A destituição do senador Tasso Jereissati da presidência nacional do PSDB acabou ganhando mais apoio que o esperado, depois que circulou com intensidade entre os tucanos,uma versão preocupante: o senador estaria fazendo jogo duplo. Padrinho de Ciro Gomes, pré-candidato à presidência pelo PDT, Tasso estaria deliberadamente trabalhando pela divisão dos tucanos.

O Blog de Flavio Pereira