Presidente da Agergs Maria Elizabeth Rosa Pereira foi assassinada em Porto Alegre

A advogada Maria Elizabeth Rosa Pereira de 65 anos, e atual presidente da Agência Estadual de Regulação dos Serviços Públicos Delegados do Rio Grande do Sul (Agergs) foi morta pelo companheiro, um policial militar da reserva, na manhã desta sexta-feira (17) em Porto Alegre. O crime aconteceu em um imóvel na Avenida Bento Gonçalves, no bairro Partenon, no começo da manhã.
O homem tentou se matar em seguida, com um tiro na cabeça, e foi levado ao hospital em estado grave. A mulher, encontrada caída em uma peça nos fundos da casa, foi atingida por um disparo nas costas.

Deixar uma resposta