AVANÇA O PDL PARA SUSPENDER REAJUSTES DE CARREIRAS JURÍDICAS.

A Assembleia Legislativa do Rio Grande do Sul deu mais um passo para a suspensão dos reajustes de 16,38% autoconcedidos pelo Tribunal de Justiça, Publico, Tribunal de Contas e Defensoria Publica, sem lei que autorize. Após aprovação na CCJ (Comissão de Constituição e Justiça) do parecer do deputado Pepe Vargas (PT) por 11 votos a zero,os poderes e órgãos atingidos pela medida, têm 10 dias para apresentarem suas defesas antes de nova votação e remessa de um Projeto de Decreto Legislativo ao plenário da Assembleia. Há no momento no parlamento, um sentimento dominante pela valorização do poder legislativo e das suas atribuições, sendo muito forte a possibilidade da rejeição do autoreajuste das carreiras jurídicas.

Deixar uma resposta