MANDATO DE CINCO ANOS SEM REELEIÇÃO

A CNM defende não apenas o adiamento das eleições municipais, para dar prioridade para o combate ao coronavírus, mas também acabar com a reeleição para o Executivo. A Confederação Nacional dos Municípios, esclarece Aroldi, defende uma disputa única no país a cada cinco anos, sem reeleição. Com isso,teríamos eleição a cada cinco anos. Atualmente, prefeitos, governadores e o presidente da República podem ser eleitos para dois mandatos consecutivos de quatro anos.

Deixar uma resposta