Mourão critica entrevista do ministro Luiz Mandetta ao Fantástico

Em entrevista ao jornal “Estado de S. Paulo”, o vice-presidente Hamilton Mourão criticou nesta terça-feira a entrevista do ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, ao Fantástico, da TV Globo, no último domingo. Mourão disse que Mandetta “cruzou a linha da bola”, utilizando uma expressão do polo para uma “falta grave”, porque “não precisava ter dito determinadas coisas”. Na entrevista, o ministro defendeu uma unificação do discurso no combate ao novo coronavírus.
Mourão disse: “Vou usar a expressão do polo (esporte), o ministro cruzou a linha da bola ali. Ele não precisava ter dito determinadas coisas — disse Mourão, em entrevista ao jornal “O Estado de S. Paulo”, explicando depois: — É uma falta grave no polo. Nenhum cavaleiro pode cruzar na linha da bola. Ele pode acompanhar lado a lado. Ao cruzar a linha da bola, você comete uma falta. Dá um cartão.”.

Apesar das críticas, Mourão disse esperar que Bolsonaro não deverá demitir Mandetta neste momento.

Deixar uma resposta