CONSELHO SILENCIOU NO FINANCIAMENTO A DITADURAS DE ESQUERDA

Quando os mesmos recursos subsidiados, agora direcionados para salvar as Santas Casas e hospitais filantrópicos foram aplicados pra financiar obras em ditaduras de esquerda,o mesmo conselho silenciou. Algumas das obras que utilizam recursos do FGTS através do BNDES: Porto de Mariel (Cuba) Valor da obra – US$ 957 milhões, pela Odebrecht. Hidrelétrica de San Francisco (Equador) Valor da obra – US$ 243 milhões pela Odebrecht. Hidrelétrica Manduriacu (Equador)Valor da obra – US$ 124,8 milhões pela Odebrecht. Hidroelétrica de Chaglla (Peru)Valor da obra – US$ 1,2 bilhões pela Odebrecht. Metrô Cidade do Panamá (Panamá)Valor da obra – US$ 1 bilhão pela Odebrecht. Soterramento do Ferrocarril Sarmiento (Argentina)Valor – US$ 1,5 bilhões do BNDES pela Odebrecht. Linhas 3 e 4 do Metrô de Caracas (Venezuela)Valor da obra – US$ 732 milhões também pela Odebrecht.

Deixar uma resposta