BOLSONARO DIZ QUE TERRORISTA FERNANDO DE SANTA CRUZ FOI EXECUTADO PELOS SEUS COMPANHEIROS

Depois de uma acirrada troca de palavras ásperas nas redes sociais com o presidente da OAB, o presidente Jair Bolsonaro foi ao barbeiro ontem e ali gravou um polêmico vídeo,no qual relata um dado histórico: o justiçamento de Fernando de Santa Cruz Oliveira, pai do presidente nacional da OAB. Bolsonaro diz que Fernando,em 1974, então guerrilheiro com 26 anos, foi morto por seus próprios companheiros da AP, a Ação Popular, que antes de 64 começou como desdobramento da JUC, era católico, mas depois, no final da década de 70, virou comunista e maoísta de extrema esquerda, tornando-se grupo armado sanguinário. Para quem não sabe, Justiçamento é como os comunistas denominam execuções de companheiros ou ex-companheiros e inimigos, muitas vezes por traição.

Deixar uma resposta