Sobral, reduto de Ciro Gomes, é vergonha nacional na Saúde.

É uma vergonha. A saúde em Sobral está destruída. Um transtornado Ciro Gomes foi às redes sociais para criticar informação divulgada pelo jornalista Augusto Nunes. O coronel de Sobral disse que Nunes iria parar na cadeia, ao lado de Jair Bolsonaro. Qual a razão? Augusto Nunes escreveu que Sobral (CE), reduto eleitoral da família Gomes, permanecia com uma das piores taxas de letalidade e de contaminação do Brasil. No dia em que foi publicado o texto de Augusto Nunes, Sobral tinha 141 mortes por coronavírus para cada 100 mil habitantes. O valor é quase o triplo da média nacional (57,3) e o 3º maior entre as cidades com mais de 100 mil habitantes no Brasil. Um caos. Apenas 28 dos 5.557 municípios afetados pela covid-19 no país têm registros de óbitos piores que os de Sobral. A coluna acompanha o caso.

Augusto Nunes: Ciro é um malandro golpista

“Ele começou a carreira como candidato a deputado estadual pelo PDS, que foi o sucessor da ARENA. Ele sempre seguiu uma estirpe de coronéis de araque. Ele passou por uma rotatividade de motel : PDS, PSB, PSDB, PMDB, PPS, PROS e hoje está aí provocando vergonha no PDT. Nem vou falar o que faz o irmão dele quando pega uma retroescavadeira. Ele não sabe se comportar socialmente. E reitero o que eu disse: Ciro Gomes mente mesmo”, afirma Augusto Nunes.

Para o jornalista, “Ciro Gomes mente como malandro golpista. Eu sinto um prazer enorme em ver o Ciro com chilique. Até no pessoal de Sobral que fica exposto ao pessoal do Ciro Gomes, ele já não impõe medo”.

Ciro Gomes prometeu deixar a política se Bolsonaro ganhasse

No dia 12 de setembro de 2018, Ciro Gomes prometeu em entrevista nacional, abandonar a politica, caso Jair Bolsonaro ganhasse a eleição:

“Vou desejar boa sorte a ele – se ganhar a eleição – , cumprimentá-lo pelo privilégio e depois vou chorar. Eu saio da política. A minha razão de estar na política é confiar no povo brasileiro”, disse na ocasião.

Deixar uma resposta