Prefeito Marchezan Jr. não cede à pressão da mídia funerária e determina restrições leves nas atividades de Porto Alegre.

O prefeito de Porto Alegre Marchezan Jr. resistiu às pressões da conhecida mídia funerária, que vinha impondo o fechamento das atividades econômicas.

Marchezan anunciou nesta sexta-feira, que  prefeitura de Porto Alegre decidiu proibir, a partir de segunda-feira (30), a realização de eventos sociais, como festas de casamentos e aniversários. Em locais privados, fica obrigatório o distanciamento de dois metros entre as pessoas, assim como já estava determinado para parques, praças e espaços abertos ao público. As determinações constam em decreto público em edição extra o Diário Oficial de Porto Alegre nesta sexta-feira (27).

A medida tomada pela prefeitura quer  evitar que sejam necessárias mais restrições de atividade econômica

Deixar uma resposta