MAIS UM SALDO DA GREVE DOS CAMINHONEIROS

MAIS UM SALDO DA GREVE DOS CAMINHONEIROS

Chegou a 10,9% o tombo na produção industrial, em maio. Atribui-se o numero como um dos grandes danos impostos ao País pela paralisação do transporte rodoviário. Para que se tenha ideia desta dimensão, foi a maior queda mensal desde dezembro de 2008, quando se contabilizou uma perda de 11,2%. O volume produzido caiu de abril para maio em 24 dos 26 grupos de atividades cobertos pela pesquisa do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística.

Deixar uma resposta