MONTADORAS SÃO COAGIDAS A PAGAR MAIS

De acordo com o delegado Rodrigo Sanfurgo,a força dessa organização criminosa é muito grande, capaz até mesmo de coagir grandes montadoras em todo o Brasil: “se uma montadora escolhesse uma empresa fora desse cartel, ela (a montadora) era coagida, com piquetes e queima de caminhões. Essa coação tinha, muitas vezes,a participação de um sindicato de transportadores do Espírito Santo”. Em vez de 25%, o preço cobrado a mais das montadoras, reféns desse grupo, pode chegar a 40%. O percentual é repassado integralmente aos consumidores. Pelo menos quatro grandes empresas e um sindicato de cegonheiros são investigados em todo o país.

Deixar uma resposta