CUSTOS CHEGAM AO ESTADO

O efeito cascata do aumento do teto do funcionalismo, que passa de R$ 33,7 mil e passará a ser de R$ 39,2 mil afetará as despesas com pessoal nos três poderes do Rio Grande do Sul. Judiciãrio, Legislativo, Ministerio Publico, Tribunal Militar e Tribunal de Contas aplicarão o novo teto,e os servidores públicos que recebem acima do atual, terão liberados os valores do novo teto. No país,a repercussão é estimada em mais R$ 4,3 bilhões .

Deixar uma resposta