SUPERANDO UM TRAUMA

O Badesul superou definitivamente o periodo sombrio que vivenciou no governo Tarso Genro, e que culminou em 2017, com a aplicação pelo Banco Central, de uma multa de R$ 100 mil como punição pelos empréstimos sem garantias reais concedidos entre 2012 e 2013, às empresas Iesa Óleo e Gás e Wind Power Energy. Juntas, elas tomaram R$ 90 milhões do banco gaúcho e, depois, entraram em recuperação judicial. Ambas não pagaram as prestações e o rombo ficou com o Badesul.

Deixar uma resposta