REFORMA DA PREVIDÊNCIA NO RADAR DO GOVERNO

O presidente Michel Temer reafirmou ontem em Nova York o que o ministro da Casa Civil Eliseu Padilha já havia antecipado a esta coluna: o governo,passadas as eleições,deve retomar a articulação para votar a reforma da previdência. Ontem,o presidente Temer. O presidente foi enfático:”quero anunciar que, passadas as eleições, buscarei fazer a reforma da Previdência. O déficit previdenciário é elevado demais. Não podemos legar, a nossos filhos e netos, um sistema de Previdência sob ameaça, nem um orçamento que seja quase todo tomado por gastos previdenciários.”

Deixar uma resposta