PF DESCOBRE DESVIO NO PROJETO DO MEMORIAL DA ANISTIA

A Policia Federal apurou após investigação,que o projeto do chamado Memorial da Anistia, para idolatrar terroristas de esquerda, orçado inicialmente em R$ 8 milhões, acabou custando aos cofres publicos R$ 28 milhões,devido à descoberta de desvios para propinas. A PF indiciou 11 pessoas no inquérito que investigava fraudes e desvios na implantação do Memorial da Anistia Política do Brasil, em Belo Horizonte.

As investigações foram iniciadas em dezembro de 2017, quando foi deflagrada a Operação Esperança Equilibrista. O projeto do Memorial da Anistia foi financiado pelo Ministério da Justiça e executado pela Universidade Federal de Minas Gerais. O custo inicial era estimado em R$ 5 milhões, mas o projeto saiu por R$ 28 milhões. Os nomes dos indiciados pela PF não foram divulgados.

Deixar uma resposta