SALÁRIOS ATRASADOS DESDE MAIO, NO RIO

governador-do-rio-luiz-fernando-pezao-comeca

De longe, a situação financeira do Rio de Janeiro é a mais caótica do Brasil. Apesar das ajudas diferenciadas recebidas do Governo Federal,e do aumento dos créditos de royalties do petróleo,ainda assim o Governo do Estado não conseguiu quitar sequer os salários de maio,dos servidores. Neste final de semana,o governador Pezão anunciou que deve quitar vencimentos de julho, junho e maio de todo o funcionalismo, ativos, inativos e pensionistas, até 18 de agosto.

O FALECIMENTO DE CARLOS ARAÚJO

PORTO ALEGRE /RS 13-03-2013 CARLOS ARAUJO O ex-deputado Carlos Araújo foi casado por 30 anos com a hoje presidente da República, Dilma Rousseff (PT). Os dois mantêm uma boa relação e Araújo é um dos interlocutores da chefe da Nação. Nesta entrevista ao Jornal do Comércio, ele saúda os recentes protestos populares contra a corrupção no País, mas adverte que o tema não deve ser central em nenhum governo. FOTO ANA PAULA APRATO/JC
FOTO ANA PAULA APRATO/JC

“Para nós trabalhistas foi uma honra termos convivido com este grande personagem da política gaúcha que, juntamente com nosso líder Leonel Brizola, auxiliou a construir o Partido Democrático Trabalhista no Estado. Araújo foi deputado estadual pelo nosso PDT durante 12 anos e, neste período, exerceu com o empenho e louvor a sua função. A sua trajetória, o seu conhecimento e a sua dedicação ficam como exemplos para todos nós”, disse em nota oficial, o líder do PDT na Assembleia Gilmar Sossela, sobre a morte de Carlos Araújo.

LAMACHIA: “AUMENTAR FUNDO PARTIDÁRIO DE R$ 800 MILHÕES PARA QUASE 4 BILHÕES,É ZOMBAR DO CIDADÃO”

Claudio Lamachia, presidente nacional da OAB. Foto: Reprodução CFOAB
Claudio Lamachia, presidente nacional da OAB. Foto: Reprodução CFOAB

O presidente nacional da Ordem dos Advogados do Brasil, o advogado gaúcho Claudio Lamachia, deixou claro ontem, que o gesto da classe política, aumentando brutalmente o valor dos recursos do fundo partidário, “está esgotando a paciência que ainda resta aos eleitores”. Lamachia encaminhou uma manifestação ao colunista, indicando que “a prova disso é a aprovação na madrugada desta quinta-feira, de uma proposta de fundo partidário de R$ 3,6 bilhões. Aumentar oi fundo partidário da casa dos R$ 800 milhões como está em 2016, para quase R$ 4 bilhões em 2017 é zombar do cidadão que paga seus impostos, e que não tem, em contrapartida, serviços públicos de qualidade”. Lamachia disse que a OAB vai se empenhar “para que essa proposta absurda não prospere”.

ALCKMIN EM PORTO ALEGRE

download

O governador de São Paulo Geraldo Alckmin vem hoje a Porto Alegre para um encontro com seu colega gaúcho José Ivo Sartori, e para um debate político. Alckimin faz um esforço para viabilizar seu nome como pré-candidato à presidência da República onde hoje,seu principal oponente, poderá ser o exatamente o seu pupilo, o prefeito de São Paulo, João Dória. O governador paulista defende que o partido defina até dezembro o nome do pré-candidato.

A COERÊNCIA DO PSDB

PSDB-01

Ameaçando deixar a base de apoio do governo Michel Temer,e cobrando com rigor moralidade dos demais partidos,o PSDB vice uma contradição terrível: ao mesmo tempo em que prega retidão dos demais,não consegue resolver seu problema interno, ao manter na presidência nacional o senador Aécio Neves. Aécio e Alckmin lideram correntes diferentes dentro do partido.

PREFEITO DE TORRES BUSCANDO RECURSOS

maxresdefault

Prefeito de Torres, Carlos Souza (PP) esteve na Superintendencia do DNIT (Departamento Nacional de Infraestrutura Terrestre) em Porto Alegre, em busca de alternativas para melhorar a infraestrutura sob a ponte da BR 101 no cartão postal de acesso à cidade, na Vila São João. Souza foi ainda ao Badesul onde buscou informações para apresentar projeto de financiamento para investimentos na infraestrutura da cidade.

NOVO LEILÃO CRIA EXPECTATIVA POSITIVA PARA O CARVÃO GAÚCHO

 

d6b2b0675a6f570263c82b8f0635d3d5

Esquecido nos projetos oficiais do governo, o carvão mineral gaúcho ganha nova oportunidade de mercado. Ontem, o Ministério de Minas e Energia autorizou, conforme publicação no Diário Oficial, a abertura de novo leilão para carvão mineral. A medida foi comemorada pelo deputado federal gaúcho Alceu Moreira, que foi um dos articuladores políticos das pressões para que essa iniciativa ocorresse. Ontem, Moreira,que é vice-lider do PMDB na Câmara, lembrou que “a iniciativa não estava no horizonte do governo, mas após visita do ministro ao estado, no último mês, o uso do carvão foi revisto”. Moreira é o atual presidente da Frente do Carvão.

O FIM DO ABUSO NA REMARCAÇÃO DE PASSAGENS

k7Gu2r_0

A Câmara dos Deputados analisa o Projeto de Decreto Legislativo (PDC) 49/15, que pretende impedir que as empresas aéreas cobrem preços exorbitantes pela remarcação ou reembolso das passagens aéreas adquiridas por tarifas promocionais. A proposta, é do deputado Celso Russomanno (PRB-SP), e suspende portaria do Comando da Aeronáutica que regulamenta as regras para reembolso, estabelecendo cobrança de taxa de serviço no valor de 10% do valor reembolsável, no caso de voos domésticos, ou de U$ 25,00, na hipótese de bilhete internacional.

TURRA OTIMISTA COM MERCADO DA PROTEÍNA ANIMAL

francisco turra_07_reproducao

O ex-ministro da Agricultura Francisco Turra,que fez uma palestra ontem na Federasul em Porto Alegre, fez uma leitura otimista do mercado da proteína animal. Turra,que preside a Associação Brasileira de Proteína Animal, disse que “os indicadores atuais desenham uma projeção positiva para o futuro: a receita na exportação de suínos cresceu 28% neste último ano e a de aves, 7%, o que representa um grande avanço para o segmento, principalmente diante da seca de 2016 e da Operação Carne Fraca, deflagrada em março de 2017”. Para Turra, “o Brasil é reconhecido pelo seu profissionalismo e pela sua ampla experiência em produção e exportação de produtos agrícolas, o que auxiliou na recuperação do setor”.

COMISSÃO APURA MAUS-TRATOS CONTRA CRIANÇAS

w1140__00cfe180aef5c6d46aa022154ca158936b54a992f927004cbd6a6b0e187776db_c7z3s

A senadora Ana Amélia (PP) comemora a instalação da CPI que investigará maus-tratos contra crianças e adolescentes. A senadora comentou que “farei parte dessa comissão que investigará, também, a prática da automutilação, suicídio, trabalho infantil e abuso e violência sexual. Tenho confiança que a CPI dos Maus-Tratos trará resultados no combate a esses crimes que têm aumentado assustadoramente em nosso país”. Presidida pelo senador Magno Malta, a CPI promoverá audiências públicas e analisará investigações feitas pela Polícia Federal, Ministério Público e conselhos tutelares. O relator é o Senador José Medeiros.

É FORTE A PRESSÃO POLÍTICA PELA REGULAMENTAÇÃO DA LEI KANDIR

 

Senador Lasier Martins preside comissão mista que trata da Lei Kandir./Foto Waldemir Barreto-Agencia Senado
Senador Lasier Martins preside comissão mista que trata da Lei Kandir./Foto Waldemir Barreto-Agencia Senado

A pressão pela regulamentação da ei Kandir agora se dá em duas frentes políticas importantes: nesta quarta-feira em Brasília, o senador Lasier Martins (PSD), preside a instalação da comissão mista para regulamentar a Lei Kandir. Ao mesmo tempo, uma mobilização dos deputados estaduais gaúchos tendo à frente o deputado Frederico Antunes (PP), permitirá a criação da Frente Parlamentar para a Regulamentação da Lei Kandir. Lasier estima que só nos últimos 20 anos, o governo gaúcho deixou de receber compensações de R$ 27,2 bilhões, em valores nominais.

A REGULAMENTAÇÃO DA EMENDA CONSTITUCIONAL 42

lei-kandirjpg55ffefabd9db7

O fulcro da questão está na regulamentação pelo Congresso, da emenda constitucional 42, que prevê legislação complementar para disciplinar o pagamento das compensações aos estados das perdas decorrentes de isenções às exportações, desde a edição da Lei Kandir. A contagem regressiva já começou, desde que o Supremo Tribunal Federal, se pronunciou, decidindo que, caso o parlamento não se pronuncie até novembro, a tarefa será delegada ao Tribunal de Contas da União.

A OAB E A NOVA ALÍQUOTA DO IMPOSTO DE RENDA

201601121727380

O presidente nacional da Ordem dos Advogados do Brasil, advogado Claudio Lamachia, encaminhou ontem à tarde ao colunista, a posição oficial quanto à possibilidade de criação de uma nova aliquota do Imposto de Renda, na faixa de 30% para os maiores rendimentos. Lamachia considera “inaceitável” a nova proposta do Governo, lembrando que “a OAB já requereu preferência para o julgamento da ação que apresentou ao STF,para defende a correção da tabela do IR. Trata-se da ação Direta de Inconstitucionalidade 5086”. Ele garante que “a OAB está pronta para usar todos os meios de que dispõe,para representar os interesses da sociedade na Justiça e nos demais espaços em eu lhe cabe atuar”.

AÇÃO POLICIAL INTENSA LOTA NOVO PRESÍDIO

media_presidio

A intensa atuação das polícias civil e militar levou à lotação m tempo recorde, do segundo módulo da penitenciária estadual de Canoas, inaugurada há menos de 30 dias. Ao todo,a penitenciária possui quatro módulos, com capacidade total para abrigar 2.808 presos em regime fechado, mas apenas dois módulos estão ocupados . O primeiro, com capacidade de cerca de 400 presos e o segundo,agora lotado,com 144 presos.

PLEBISCITO A PASSOS LENTOS

kZoBsL5p

Relator da proposta de realização do plebiscito pra consultar a população gaúcha sobre a venda do controle de estatais como a CEEE, Sulgás, Companhia Riograndense de Mineração, o deputado Lucas Redecker concluiu seu trabalho. Agora, aguarda votação do texto na Comissão de Constituição e Justiça da Assembléia, onde o governo possui maioria. Conhecedor da matéria, Redecker,que foi até pouco tempo Secretário de Minas e Energia,defende a privatização das tres empresas.

CÂMARA ABRIU ESPAÇO PARA AÇÕES EM FAVOR DOS DEFICIENTES

Tribuna popular: Fundação de Articulação e Desenvolvimento de Políticas Públicas para Pessoas com Deficência e com Altas Habilidades no Rio Grande do Sul discute primeira exposição de tecnologia assistiva e inclusão. Na foto, Roque Noli Bakof, diretor-presidente da FADERS.
Tribuna popular: Fundação de Articulação e Desenvolvimento de Políticas Públicas para Pessoas com Deficência e com Altas Habilidades no Rio Grande do Sul discute primeira exposição de tecnologia assistiva e inclusão. Na foto, Roque Noli Bakof, diretor-presidente da FADERS.

A Câmara de Vereadores de Porto Alegre abriu espaço na sua sessão de ontem, para a difusão de ações públicas na área do apoio a pessoas com deficiência. A iniciativa do vereador José Freitas,do PRB, permitiu que o presidente da Faders, a Fundação de Articulação e Desenvolvimento de Políticas Públicas para Pessoas com Deficiência e Altas Habilidades do Estado, Roque Bakof levasse aos vereadores convite para participação na 1ª Exposição de Tecnologia Assistiva e Inclusão , denominada de ExpoTAI. Esse evento, que integrará a Semana Estadual da Pessoa Com Deficiência, será realizado nos dias 25, 26 e 27 de agosto no Centro Humanístico Vida, na Zona Norte. O convite foi feito durante a Tribuna Popular, na sessão ordinária. Bakof explicou ao colunista, que “a 1ª Expotai deverá reunir não apenas pessoas e entidades ligadas à acessibilidade e inclusão, além de empresas que desenvolvem produtos com essas finalidades, mas ainda instituições de ensino. Será um estímulo para que apresentem seus protótipos”, salientou. “Haverá uma convergência de pessoas, familiares, associações, conselhos de direitos”.

A VOLTA DO MARFRIG

marfrig_group_site_cont

Mais uma das vítimas do monopólio criado pelo BNDES ao superproteger com empréstimos subsidiados a JBS, o frigorífico Marfrig, de Alegrete, mobilizou lideranças regionais,e anuncia o reinício das suas operações. Pelo cronograma, os abates serão retomados já em reabrirá suas operações até o final de outubro, com o retorno de 600 empregos diretos.

AGORA SÃO 56 PROJETOS AGUARDANDO VOTAÇÃO PELA ASSEMBLÉIA

praca-da-matriz

Com dificuldades imensas para votar projetos em plenário,a Assembléia Legislativa acumula esta semana pelo menos 56 matérias estão prontas para serem votadas na sessão plenária desta terça-feira. Duas destas, tramitam em regime de urgência, com prazo fatal já expirado, devendo ser apreciadas com prioridade. Uma reunião da mesa diretora e líderes pela manhã decide se haverá ordem do dia na sessão da tarde.

GRAVATAÍ QUER REVER SERVIÇOS DE ÁGUA E ESGOTO

prefeito_marco_alba___balan__o___dj__17_-49549

Com menos de 25% de serviços de esgoto para a população, o município de Gravataí bateu o martelo, e pretende rescindir o contrato com a Corsan. O prefeito Marco Alba,do PMDB, determinou as providencias para a abertura de licitação destinada a contratar com uma outra empresa para o fornecimento de água e esgoto no município ou a própria Corsan,em novos moldes de exigência.

RIO GRANDE DO SUL NA AGENDA DO PETRÓLEO E GÁS

apostila-anp-2015

A próxima licitação da ANP, a Agência Nacional do Petróleo para blocos de petróleo e gás natural, poderá trazer boas notícias para o estado. Embora o estado ainda não possua produção de petróleo ou gás natural, a possibilidade de que a licitação 287 blocos em 29 setores de nove bacias sedimentares inclua a região de Pelotas, traz um alento para a economia. Hoje à tarde, o governador José Ivo Sartori, reúne no Palácio Piratini, o secretário de Minas e Energia, Artur Lemos Júnior, e o diretor-geral da ANP, Décio Oddone, para tratar do tema.

O PRESIDENTE DO TRF4 FALA SOBRE A SENTENÇA DO JUIZ SÉRGIO MORO NO CASO LULA E AFIRMA “É UM EXAME IRREPREENSÍVEL DA PROVA DOS AUTOS”

 

Foto: Presidente do Tribunal Regional Federal da 4a. região, Desembargador Federal Carlos Eduardo Thompson Flores Lenz. Foto/TRF4
Foto: Presidente do Tribunal Regional Federal da 4ª Região, Desembargador Federal Carlos Eduardo Thompson Flores Lenz. Foto/TRF4

A Declaração emblemática do Desembargador Carlos Eduardo Thompson Flores Lenz, presidente do Tribunal Regional Federal da 4ª. Região, sobre a sentença do Juiz Federal Sérgio Moro, da 13ª. Vara Federal de Curitiba, no caso em que sentenciou o ex-presidente Luis Inácio a 9,6 meses de prisão ganha repercussão. Segundo ele, a sentença é “Técnicamente irrepreensível. Pode-se gostar dela, ou não. Aqueles que não gostarem e por ela se sentirem atingidos têm os recursos próprios para se insurgir. O Juiz Sérgio Moro fêz exame minucioso e irretocável da prova dos autos. Eu comparo a importância desta sentença para a história do Brasil à sentença do juiz Márcio Moraes proferida no Caso Herzog,sem nenhuma comparação com o momento político. É uma sentença que vai entrar para a história do Brasil. E não quero fazer nenhuma conotação de apologia. Estou fazendo um exame objetivo. É uma sentença que não se preocupou com a erudição – como a sentença do juiz Márcio Moraes, lá atrás, também não se preocupou. É um exame irrepreensível da prova dos autos. É uma sentença que ninguém passa indiferente por ela”. A declaração foi prestada em entrevista ao jornalista Luiz Malklouf Carvalho, e publicada neste domingo no jornal O Estado de S. Paulo, e vale a pena ser lida.

GOVERNO REVISA ESPAÇO DOS ALIADOS QUE TRAÍRAM

cargos1-750x375

Um recado começa a ser dado, via Diario Oficial da União, a partir desta semana aos deputados federais que pediram – e levaram – cargos do governo federal, mas que na votação do relatório do deputado Paulo Abi-Ackel (PSDB-MG) preferiram acompanhar o bloco da oposição formado pelo PT, PCdoB, PSol, Rede e PDT. Foram 89 defecções dentro da base. Já no início da identificação dos cargos nomeados por deputados federais gaúchos que não votaram com o governo, com apenas dois parlamentares mapeados, foram localizadas 237 nomeações. O primeiro recado, ao que se informa, será a exoneração de apenas alguns nomes. O governo não quer brigar, por enquanto, com os aliados. Apenas mandar o recado.

O MAPA DOS CARGOS

cargos_salarios_trabalhos_escolares

Responsável pelo mapeamento dos cargos em poder dos parlamentares da base aliada,o ministro da Casa Civil Eliseu Padilha tem em mãos dados importantes sore a influencia de cada senador ou deputado na ocupação de cargos de confiança. Trabalha m sintonia com o Ministro Antônio Imbassahy, da Secretaria de Governo.

O RALO DA PREVIDÊNCIA

319-imagem-de-destaquesdfghj

Um dado revelador do tamanho do rombo da Previdência nos cofres públicos: somando recursos públicos e privados, o Brasil investiu R$ 122 bilhões de reais em infraestrutura em 2016. Porém, segundo dados u estão sendo levados aos congressistas, de cada 10 reais arrecadados pelo Tesouro, 9 ficam concentrados para o pagamento de aposentadorias e salários.