OUTRO CASO DE POSSÍVEL PROGRESSÃO DE PENA

Chefe do mega esquema que cometeu roubos bilionários nos cofres do Brasil e condenado na Lava Jato, Lula está preso em regime fechado desde 7 de abril de 2018, na Superintendência da Polícia Federal em Curitiba (PR).

Quando foi julgado em primeira instância, Lula foi condenado a 9 anos e 6 meses de prisão. O Tribunal Regional Federal da Quarta Região, de segunda instância, aumentou a pena para 12 anos e 1 mês. A defesa de Lula recorreu novamente, desta vez ao STJ, que reduziu a pena para 8 anos e 10 meses de prisão. A progressão de regime é permitida para quem já cumpriu um sexto da punição.

Deixar uma resposta