OS MÉDICOS CUBANOS RETORNAM.

O Governo Federal confirmou que vai convocar para novos contratos, os médicos cubanos que decidiram permanecer no Brasil. Será um esforço, segundo o secretário executivo do Ministério da Saúde João Gabbardo dos Reis, para reforçar o atendimento na área da saúde na operação de combate à propagação do coronavírus. Estima-se que 1.800 médicos cubanos tenham permanecido no Brasil e não atendido o chamado do governo cubano para retornar ao país.

Deixar uma resposta