OBSTRUÇÃO EQUIVOCADA

A disposição da oposição, incluindo o lider do PT Paulo Pimenta,de obstruir as votações no Congresso após o vazamento de mensagens dos celulares do ministro da Justiça Sergio Moro e de procuradores da Operação Lava ato,é vista como um erro pelo presidente da comissão especial que analisa a reforma da Previdência, deputado Marcelo Ramos (PL-AM).

Deixar uma resposta