NAS MÃOS DOS DEPUTADOS DA BASE, ADESÃO AO PROGRAMA DE AJUSTE FISCAL DA UNIÃO

137125_S

O Rio Grande do Sul chegou ao limite do limite do prazo para definir se vai ou não aderir ao Programa de Ajuste Fiscal dos Estados, que vem sendo implementado pelo Governo Federal. O Rio de Janeiro terminou de atender na semana que passou, às exigências para receber o socorro da União. No Estado, Assembléia Legislativa precisaria aprovar o pacote de 11 medidas do ajuste fiscal, das quais 2 foram aprovadas na semana que passou. A adesão ao programa do Governo Federal significa na prática mais R$ 3 bilhões ainda este ano e mais R$ 4 bilhões no ano que vem. Esses valores representam a carência dos pagamentos da dívida com a União, que o governo do Estado não precisará desembolsar,se aderir ao Programa de Ajuste.

Deixar uma resposta

O Blog de Flavio Pereira