JEAN WYLLYS ADMITE QUE FOI FORÇADO A VENDER SEU MANDATO.

JEAN WYLLYS ADMITE QUE FOI FORÇADO A VENDER SEU MANDATO.

O ex-deputado Jean Wyllys admitiu publicamente ter sido “forçado” a vender seu mandato de deputado federal. A revelação foi feita ontem no blog O Antagonista, onde, de próprio punho de Wyllys, acusa Glenn Greeenwald,o Verdevaldo de comprar candidaturas no Psol. Agora, Wyllys é acusado dele mesmo vender seu mandato para Glenn, visando beneficiar seu marido David Miranda, que era o primeiro suplente. O deputado José Medeiros quer investigar o escabroso caso, revelado também em sucessivos posts do hacker que edita o Twitter Pavão Misterioso. No mês passado, O Antagonista já havia mostrado o embate que Glenn Greenwald travou com Jean Wyllys, no Twitter, em fevereiro de 2018. Jean Wyllys, reclamou do que chama de “arbitragem partidária” de Greenwald, insinuando que o americano teria comandado todo o processo eleitoral dentro do PSOL, e ainda comprado ‘candidaturas’ que lhe interessavam no PSOL.

Deixar uma resposta