Governos do Nordeste pagaram R$ 48 milhões da Saúde, para empresa que vende derivados de maconha.

Desvios de verbas na Saúde: Polícia atrás de empresa que deixou de entregar respiradores a estados do Nordeste
Consórcio de governadores do Nordeste contratou sem licitação, e pagou R$ 48 milhões adiantados por aparelhos que não foram entregues, e recursos não foram devolvidos. Há mandados de busca e de prisão cumpridos em Salvador, Rio, São Paulo e Distrito Federal. A empresa com sede em Sao Paulo, comercializa produtos derivados de maconha.
Operação Ragnork
O volume de casos de corrupção com recursos da Saúde é tão grande,que a polícia da Bahia criou a Operação Ragnork, que faz ações com apoio da Polícia Federal e outros órgaos, de combate a malversão e delitos contra os recursos voltados na área de saúde para enfrentamento da pandemia do covid-19.

Dinheiro da Saúde foi pago a empresas produtoras de maconha

Ontem,Terra comentou na sua conta pessoal do Twitter: “Quanto mais eu rezo, mais assombração…!! Até onde entendi o consórcio dos Governadores do Nordeste, comprou respiradores de empresas produtoras de maconha e derivados, Hempshare e Hempcare que pegaram o dinheiro adiantado e não entregaram …! É isso?!”

Deixar uma resposta