GOVERNO GAÚCHO NÃO DESISTE, E VAI AO STF POR AUMENTO DA ALÍQUOTA DE PMS

Questionado por deputados dos partidos da sua base quanto à legalidade da iniciativa do estado em alterar alíquota previdenciária dos policiais militares para valores idênticos aos dos servidores civis, eis que existe legislação federal que regula a matéria, o governador do Rio Grande do Sul Eduardo Leite resolveu tirar a limpo a questão junto ao Supremo Tribunal Federal.

Deixar uma resposta