FUNDO ELEITORAL: UMA POLÊMICA PARTICULAR NO PP

FUNDO ELEITORAL: UMA POLÊMICA PARTICULAR NO PP

A convenção estadual do Partido Progressista (PP) do Rio Grande do Sul marcada para este sábado, poderá trazer algumas novidades inesperadas. Uma delas, a possibilidade de ruptura da aliança com o PSL de Jair Bolsonaro. Isto acontecerá se o PP não aprovar a candidatura da presidente estadual do PSL, Carmen Flores, ao Senado. O PP trabalha unido, com o consenso da candidatura única da senadora Ana Amélia.

Deixar uma resposta