FRAUDES REPRESENTAM 30% DO DÉFICIT DA PREVIDÊNCIA

201606090926_44165ca13c

Um encontro de informações entre Secretaria de Previdência, Ministério Público Federal, Polícia Federal e os ministérios do Trabalho e do Desenvolvimento Social e o Tribunal de Contas da União , revelou fraudes que chegam a R$ 56 bilhões na Previdência Social,o que representa 30% do seu déficit. Casos impressionantes foram descobertos,além do corriqueiro benefício de auxílio-doença fraudulento: presidiários que reconheceram a paternidade de filhos de mulheres que nunca viram, crianças recebendo licença-maternidade, bebês indígenas adotados e esquecidos em suas tribos, homens que assassinaram esposas fictícias e ciganos que mudam de identidade várias vezes, recebendo vários benefícios. Diante disso, chega-se à conclusão de que o Congresso Nacional nada mais é, do que um corte da sociedade.

Deixar uma resposta

O Blog de Flavio Pereira