FRAUDE: NO DIRETÓRIO DO PT, VOTARAM TÉ ELEITORES QUE JÁ MORRERAM

Denúncias de fraudes marcaram o processo de eleição interna do PT realizado no inicio do mes. As acusações vão da presença de pessoas mortas nas listas de filiados que votaram ao transporte de eleitores em carro oficial, além da intimidação com uso de violência, do trabalho de fiscais. Os petistas foram às urnas para escolher os presidentes dos diretórios municipais e os delegados que elegem os presidentes estaduais e o presidente nacional do partido.

Deixar uma resposta