FORTUNATI SENTE CHEIRO DE TRAIÇÃO DO PDT,E DEIXA O PARTIDO

22002513

Agora é definitivo: após 16 anos, o ex-prefeito de Porto Alegre, José Fortunati, está deixando o PDT. A carta que encaminhou na tarde desta segunda-feira ao presidente do PDT gaúcho, Pompeo de Matos, justifica que “Entendo que os rumos do indivíduo político José Fortunati e do PDT, neste momento, se separam. Ao sair do partido, deixo as Direções Partidárias livres para seguirem no trajeto que já vinham sinalizando, sem qualquer constrangimento ou mágoas”. Fortunati pressentiu que o PDT lhe negaria uma legenda para disputar a cadeira ao Senado em 2018. Agora, os rumores indicam que seu destino poderia ser o PR ou a Rede, onde sua esposa, Regina Becker, já se encontra filiada. O PDT estaria inclinado a oferecer uma vaga ao Senado para o ex-deputado Vieira da Cunha, que foi derrotado na ultima eleição ao Piratini, e logo após assumiu a Secretaria da Educação do governo Sartori.

Deixar uma resposta

O Blog de Flavio Pereira