FÉ NO DIÁLOGO

O novo presidente do legislativo da capital gaúcha sinalizou a sua forma de agir dizendo que “ás vezes a gente pode divergir, às vezes a gente pode não estar com a mesma posição, mas nunca queimar todas as pontes que podem permitir que mais adiante se encontre harmonia e compreensão”, afirmou.

Deixar uma resposta