FAMÍLIA DE MARIELLE QUER QUE INVESTIGAÇÃO DO CRIME NÃO SAIA DO RIO DE JANEIRO.

FAMÍLIA DE MARIELLE QUER QUE INVESTIGAÇÃO DO CRIME NÃO SAIA DO RIO DE JANEIRO.

A Defensoria Pública do Rio protocolou no STJ petição com o posicionamento das famílias de Marielle Franco e Anderson Gomes, assassinados em março de 2018, sobre a federalização das investigações do crime.

Elas pediram que as investigações continuem sob o comando do Ministério Público fluminense e mesmo com a demora das investigações,e dos trabalhos do Ministério Publico do Rio de Janeiro, são contra a atuação da Polícia Federal na investigação dos crimes.

Deixar uma resposta