EDEGAR PRETTO TEVE APENAS UM VOTO CONTRA

Sem título

 

A eleição de Edegar Pretto (PT) teve apenas um voto contra. Foi o voto do deputado Marcel Van Hatten (PP) que na véspera já anunciara que , por não ter participado do acordo, não se via obrigado a referendá-lo. Van Hatten justificou ainda que “em respeito aos meus eleitores, não poderia votar em um representante de organizações como o MST, o Cpers e a CUT”.

Deixar uma resposta