CONVITE PODE GERAR CONSTRANGIMENTOS AO GOVERNO

O possível convite do governador Eduardo Leite, do Rio Grande do Sul, ao deputado Luis Augusto Lara (PTB), para assumir uma secretaria do governo gaúcho, poderá trazer constrangimento público ao próprio governo, e aos demais deputados. Tendo recém encerrado de forma positiva a gestão de presidente da Assembléia, Lara tem no entanto contra si – respeitando-se a presunção de inocência e os recursos judiciais possíveis neste caso – a condenação por órgão colegiado, o Tribunal Regional Eleitoral, por crime de abuso do poder politico e abuso do poder econômico, com perda do mandato, suspensão dos direitos políticos até 2026, e multa de R$ 60 mil solidariamente com seu irmão, Divaldo prefeito afastado de Bagé. Todas as sanções acham-se suspensas de forma automática, em razão do recurso interposto perante o Tribunal Superior Eleitoral.

Deixar uma resposta