APROVAR O QUE É POSSÍVEL

Bolsonaro está realista em relação ao que pode ser alterado na previdência pelo atual Congresso: “não é a que queremos, mas é a que podemos aprovar. Talvez haja oportunidade (de votar). Gostaríamos que saísse alguma coisa. É aquilo que podemos aprovar na Câmara e no Senado”.

Deixar uma resposta