APOIO DE ROBERTO MARINHO À REVOLUÇÃO DE 1964

APOIO DE ROBERTO MARINHO À REVOLUÇÃO DE 1964

Bolsonaro desconcertou seus entrevistadores, que tentaram em diversos momentos vinculá-lo a regimes ditatoriais – ditaduras de direita, naturalmente – quando deu o golpe fatal ao dizer que “eu quero aqui elogiar, saudar a memória do senhor Roberto Marinho”. E citou editorial de capa do jornal ‘O Globo’ de 7 de outubro de 1984, ‘Senhor Roberto Marinho’: ‘Participamos da Revolução de 1964, identificados com os anseios nacionais de preservação das instituições democráticas ameaçadas pela radicalização ideológica, distúrbios sociais, greves e corrupção generalizada’.

Deixar uma resposta