A NOVELA DO SHOPPING LAJEADO

Ainda não foi desta vez que saiu o leilão do Shopping Lajeado: a 1ª Vara Cível de Lajeado suspendeu a homologação do leilão realizado. O empreendimento fazia parte do M. Grupo, que teve a falência da sua principal empresa – a Magazine Incorporações S.A. – confirmada pelo Tribunal de Justiça do Estado em setembro de 2017. A medida é decorrente da proposta da RB Capital, de São Paulo, para arrematar 70% do shopping pelo lance mínimo de R$ 22.699.081,96 – valor correspondente a 50% do valor da avaliação. Ocorre que a empresa é credora do M. Grupo e utilizou justamente seu crédito na própria execução para fazer a arrematação. A arrematação desta forma, contrariou a determinação do juízo falimentar.

Deixar uma resposta