A GREVE DOS PETROLEIROS: REBELDIA SEM CAUSA

A GREVE DOS PETROLEIROS: REBELDIA SEM CAUSA

A Advocacia Geral da União e a direção da Petrobrás apontam,na ação apresentada ao Tribunal Superior do Ttrabalho, que é puramente política a pauta da greve anunciada no sábado pela Federação Única dos Petroleiros, com previsão de durar 72 horas. A lista de reinvidicações inclui a redução dos preços do gás de cozinha e dos combustíveis e a saída imediata do atual presidente da Petrobras, Pedro Parente. O movimento também é contrário a uma possível privatização da empresa. Só faltou os chavões “Fora Temer” e “Lula Inocente”.

Deixar uma resposta