Presidente Jair Bolsonaro sobre a decisão do ministro Alexandre Moraes,do STF: Não engoli. É uma afronta”.

O presidente Jair Bolsonaro,que esteve nesta quinta-feira em Porto Alegre para participar da transmissão de cargo do Comando Militar do Sul,comentou decisão do ministro do STF Alexandre Moraes,que em decisão monocrática surpreendente, vetou a nomeação do novo diretor-geral da Polícia Federal.
— Questionei o senhor ministro do STF Alexandre de Moraes sobre a liminar que impediu o senhor (Alexandre) Ramagem de tomar posse. O que eu questionei: tome uma posição no tocante ao senhor Ramagem, porque ele continua à frente da Abin, porque ela é tão importante quanto a Polícia Federal. Estou cobrando dele, ontem (quarta) comecei minha fala quando demos posse a dois ministros, dizendo que eu respeito a Constituição, vou fazer de tudo para que ela tenha o seu valor, mas outros ministros têm de fazer a mesma coisa. Essa decisão do Alexandre de Moraes, não engoli. É uma afronta — disse.

Ex-Combatente da Segunda Guerra Mundial completa 100 anos e recebe homenagem dos Lanceiros do Ponche Verde.

Na manhã de domingo (26), o Comandante do 14º Regimento de Cavalaria Mecanizado (Regimento Lanceiros do Ponche Verde) de São Miguel do Oeste-SC e a Banda de Música do Regimento prestaram uma singela homenagem em comemoração ao 100º aniversário de um verdadeiro Herói Brasileiro: o Sr LINDOLFO GUILHERME AREND, ex-combatente da Força Expedicionária Brasileira (FEB), que lutou em solo italiano durante a Segunda Guerra Mundial.

Como integrante da Força Expedicionária Brasileira, neste ano de 2020, o Sr LINDOLFO também comemora 75 anos da Vitória das Forças Aliadas na Segunda Guerra Mundial.

A homenagem ocorreu em frente à residência do nosso “Pracinha”, e contou com: o toque militar de presença de ex-combatente realizado ao som do clarim; a continência repleta de respeito e orgulho prestada por todos os militares presentes; os acordes da Canção do Expedicionário e o tradicional Parabéns a Você; e, por fim, uma lembrança que foi entregue pelo Comandante dos Lanceiros ao aniversariante.

“Nós sabemos que a guerra não é uma coisa bonita, mas foi um sacrifício que tivemos que fazer. Equipar uma Força Expedicionária, atravessar o oceano e ir combater outras forças sob um inverno rigoroso foi um sacrifício na década de 1940.

Foi feito e muito bem feito. Nossa Força Expedicionária Brasileira (FEB) e os pracinhas serão sempre exemplos de orgulho para o nosso Exército Brasileiro”.
A participação do Sr LINDOLFO GUILHERME AREND, no período histórico da Segunda Grande Guerra, começa quando ele sai de Santa Cruz do Sul-RS no final de dezembro de 1944 e, em fevereiro de 1945, após um período de preparação no Rio de Janeiro-RJ, ele parte juntamente com outros colegas de farda rumo a Itália. M

Os pais do jovem Lindoldo, que na época tinha 25 anos, somente descobriram o seu paradeiro quando ele já se encontrava em solo italiano.

Hoje, o Sr Lindolfo reside em São Miguel do Oeste-SC e tem um lugar todo especial, repleto de respeito, admiração e carinho no seio da família militar dos Lanceiros do Ponche Verde.

Congresso Nacional prepara retorno em junho

O Congresso Nacional poderá retomar as atividades normais em junho. O presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), se comprometeu com líderes e bancadas a “fazer um diagnóstico” até dia 15 de maio para definir se é possível retomar, presencialmente, parte das atividades parlamentares no mês de junho.
Uma das principais preocupações dos senadores são as comissões permanentes, que estão paralisadas desde o início da crise provocada pela covid.

Pfizer quer testar vacina contra o Coronavirus já na próxima semana

A gigante alemã Pfizer comunicou nesta terça-feira (28/04) que espera que sua vacina experimental contra o novo coronavírus entre na fase de testes clínicos amplos até outubro. Isso vai permitir seu uso emergencial e até uma aprovação acelerada antes do fim do ano, se os resultados forem positivos.
Os testes podem ser iniciados já na próxima semana nos Estados Unidos se as agências reguladoras aprovarem. A vacina em desenvolvimento pelo laboratório já é testada na Alemanha. Se os planos da empresa se confirmarem, os resultados serão divulgados em maio.

Jair Bolsonaro prorroga validade de CNHs de caminhoneiros e outros motoristas

O presidente Jair Bolsonaro determinou ao Contran, Conselho Nacional de Transito, que sejam prorrogados por tempo indeterminado, os prazos para que o condutor possa dirigir com Carteira Nacional de Habilitação (CNH) vencida desde 19/02/2020. Este prazo aplica-se também para a Permissão de Dirigir (PPD) e para expedição de Certificado de Registro de Veículo (CRV) em caso de transferência de propriedade de veículo adquirido desde 19/02/2020; registro de licenciamento de veículos novos — desde que ainda não expirados.

A normativa estabelece também que, a partir de agora, o prazo para conclusão do processo de habilitação passou de 12 para 18 meses. Isso significa que quem começou o processo de habilitação em março do ano passado e ainda não concluiu, por exemplo, não precisa se preocupar pois terá até setembro para concluir o processo.

Prazos para defesa de autuação, recursos de multa, defesa processual, recursos de suspensão de direito de dirigir e cassação do documento de habilitação, ficam interrompidos por tempo indeterminado. Fica interrompido também, por tempo indeterminado, o prazo para identificação de condutor infrator.

“Estamos considerando a necessidade urgente de se evitar aglomerações nos órgãos de trânsito e nas entidades públicas e privadas prestadoras de serviços afetos ao trânsito, além de ajudar caminhoneiros e motoristas profissionais”, explicou Frederico Carneiro, diretor do Denatran e presidente do Contran.

Governo gaúcho poderá exigir mais rigor no isolamento em municípios do interior.

O governo gaúcho poderá determinar medidas duras para fazer com que dezenas de municípios recuem na abertura de setores da economia. O novo modelo planejado pra prevenir a transmissão,para entrar em vigor em 1º de maio no Rio Grande do Sul pode levar alguns dias mais para sair do papel e entrar em vigor. O chamado distanciamento social controlado om regras próprias para cada microrregião,ser´mais duro,  e deverá impor uma negociação mais rígida com prefeitos e setores econômicos antes de ser finalizado e colocado em prática.

Será imposto maior rigor em regiões com um alto número de casos , como o Norte do RS, onde fica Passo Fundo, com 103 infectados confirmados e 11 mortes, e Marau, com 49 infectados e uma morte; e no Vale do Taquari, onde está Lajeado, que já contabiliza 56 infectados e três mortes.

Câmara de Porto Alegre aprova reabertura gradual do comércio e outros setores da economia na capital gaúcha.

Baseado em projetos semelhantes adotados em Curitiba e Florianópolis, foi aprovado projeto de lei em sessão extraordinária virtual da Câmara Municipal de Porto Alegre, realizada na tarde desta segunda-feira (27/4), que define quais atividades econômicas não podem ter seu funcionamento interrompido na capital durante a pandemia causada pelo coronavírus (Covid-19).  projeto permite  reabertura de restaurantes,bares,revendas de veiculos, shopping centers, academias de ginastica e outros. A proposta também resguarda direitos do cidadão e estabelece medidas que consistem na apresentação de relatório semanal do impacto das políticas públicas ligadas à saúde, economia e convívio social da população que devem ser observados pelo Poder Público durante este período. O texto foi assinado pelos vereadores Felipe Camozzato (Novo), Comandante Nádia (Dem), Mendes Ribeiro (Dem), Professor Wambert (PL), Ricardo Gomes (Dem) e Valter Nagelstein (PSD).

Diário Oficial confirma André Mendonça no ministério da Justiça; Delegado Ramagem assume PF

Diário Oficial da União (DOU) desta terça-feira (28/4) confirmou André Mendonça como o novo Ministro da Justiça e da Segurança Pública do Brasil. Pelo. O documento também oficializou Alexandre Ramagem como o novo diretor-geral da Polícia Federal (PF).
Mendonça é um ministro de perfil discreto, técnico e “terrivelmente evangélico”, que já esteve cotado inclusive para o Supremo Tribunal Federal. A escolha foi fechada nesta segunda e se deveu a vários motivos. O principal deles foi a dificuldade de colocar na Secretário Geral da Presidência da República, onde está Jorge Oliveira, alguém que fosse da “copa e cozinha” do presidente. Mandar Jorge Oliveira para a Justiça seria “cobrir um santo para deixar outro descoberto”.

Governador do Rio Grande do Sul entrega leitos clínicos e de UTIs no centro do Estado.

O Rio Grande do Sul  ganhou nesta segunda-feira (27/4) um reforço importante para o enfrentamento do coronavírus no Estado. Com a presença do governador Eduardo Leite, foram entregues dez novos leitos de unidade de terapia intensiva (UTI) e 30 de internação clínica no Hospital Regional de Santa Maria,  município estratégico da Região Central.

Os leitos completamente equipados estarão disponíveis para receber pacientes a partir de terça-feira (28/4) e, neste momento, serão exclusivos para tratamento de casos de Covid-19. A entrega marca o início do funcionamento do Hospital Regional para internações, uma demanda antiga da comunidade local. Inaugurado em 2018, com investimento de R$ 48 milhões (R$ 30 milhões do governo estadual, R$ 17 milhões do governo federal e o restante em doações da iniciativa privada), o hospital atendia pacientes apenas nos ambulatórios de doenças crônicas e de cardiologia.

Calçados Picadilly fecha em Santo Antonio a Patrulha (RS) e demite 400 funcionários.

Na manhã desta segunda-feira (27), a empresa Calçados Picadilly de Santo Antônio da Patrulha encerrou suas atividades por tempo indeterminado. Foi dado aviso prévio para 400 funcionários, será fechada a unidade de Santo Antônio da Patrulha e de Igrejinha como reflexo direto da paralisação dos negócios..

Todos os funcionários serão indenizados e terão acesso ao seguro desemprego, além de receberem três cestas básicas por parte da empresa.

Segundo informações, as vendas baixaram muito em todas as unidades do Brasil, exterior não está importando, dando uma baixa na produção. A decisão foi fechar algumas unidades para redução de custos.

Resposta do deputado e ex-ministro Osmar Terra ao jornal O Globo.

Sem ter oportunidade de publicar seu direito de resposta as pesadas críticas e ofensas que recebeu do jornalista Ascânio Seleme no jornal O GOBO,o deputado federal e x-ministro Osmar Terra respondeu pelas redes sociais:

O oportunismo do jornalista

Há muito tempo que não lia da nossa imprensa um artigo tão raivoso e tão cheio de adjetivos ofensivos quanto o escrito pelo colunista Ascânio Seleme na edição do dia 16 de abril de O Globo. A imprensa que reage quando tratada de “sórdida”, é a mesma, que de maneira execrável, se dá o direito de atacar, sem dó, quem tem opinião divergente.
Contrário ao meu posicionamento sobre epidemia do COVID-19, ele nada argumenta com fatos ou evidências, simplesmente parte para me desqualificar como pessoa, como médico e como agente político. Não é papel da mídia impedir o debate, nem cercear opiniões contrárias.
O jornalista Seleme inventa um enredo que pouco condiz com a minha história profissional e de participação política. Para dar cores a sua maledicência, me acusou de “oportunista perigoso” e de ter sido de uma “irresponsabilidade absurda e criminosa” só porque não concordo com suas crendices sobre a epidemia. E por aí foi vomitando inacreditável lista de ofensas para concluir que faço tudo pela ânsia de poder. Afirmou ainda que sou um “ex-médico que fez carreira como sindicalista e político profissional e que sabe quase nada sobre medicina”. Sua agressão despropositada chega ao ponto mais alto quando diz que eu sou “um dos principais conselheiros do presidente”, a quem ofende como de costume.
Na medida em que progride o embate sobre caminhos para enfrentar o coronavírus, tenho recebido muitos apoios e colecionado opositores raivosos, mas nada se compara até agora com essa agressão, que encontrou respaldo nas páginas de O Globo.
Quero dizer ao “ilustre” jornalista Seleme que tenho muito orgulho da minha história pessoal, de 35 anos de vida pública, sem qualquer mancha ética ou moral! Deixei minha atividade como clínico bem sucedido para me dedicar à vida pública, onde entendi poder fazer muito mais para salvar mais vidas. Fui o gestor que implantou a base do Sistema Único de Saúde (SUS) no Rio Grande do Sul entre 1986 e 1988. Fui o primeiro prefeito do Brasil a criar as equipes de Saúde da Família no início da década de 1990. Implantei programas sociais de proteção aos mais pobres, tanto no Rio Grande do Sul quanto a nível nacional trabalhando com o secretário nacional do programa Comunidade Solidária. Fui durante oito anos secretário de Saúde do Rio Grande do Sul, quando eu implantei os primeiros programas de promoção da Primeira Infância do país. Nesse período, enfrentei várias epidemias que assolaram o Estado: dengue, febre amarela e a devastadora H1N1, que teve o Rio Grande do Sul como epicentro no Brasil. Como presidente do CONASS (Conselho Nacional dos Secretários de Saúde) tive oportunidade de participar na criação da Força Nacional do SUS e ajudar na grande epidemia de dengue do Rio de Janeiro, em 2007. Portanto, se tem alguma área que conheço e tenho experiência intensa foi na do combate a epidemias. Quantos dos que me atacam tiveram vivência semelhante?
Também fui ministro, duas vezes, e com muito orgulho zerei pela primeira vez na HISTÓRIA a fila do Bolsa Família e criei o programa “Criança Feliz”, que atende cerca de 1 milhão de crianças das famílias mais pobres, a domicílio, toda semana, em todo o país, iniciativa que foi reconhecida com o Prêmio Wise Awards de inovação em educação. Estou no sexto mandato de deputado federal pelo Rio Grande do Sul, sem nunca ter comprado um voto. Aos 70 anos, tenho muito orgulho da minha história e do legado que deixarei aos meus filhos. Não preciso de cargos para ajudar o Governo a construir caminhos para salvar mais vidas e melhorar a saúde dos brasileiros. Mesmo vitimado pela agressão desqualificada que sofri, estarei sempre disposto ao debate dos fatos e evidências para convencer ou ser convencido do que é melhor pra nossa gente. Nunca irei desqualificar o adversário, por pior que ele seja, para tentar impor a minha vontade ou opinião.
Quanto à acusação de apoiar o presidente Jair Bolsonaro porque estou atrás de cargos, devo dizer que ela parte sempre de opositores preconceituosos e arrogantes, que julgam os outros por si mesmos. Talvez, nunca entendam que se possa ajudar e torcer para um governo dar certo, sem ter a necessidade de um cargo. Até porque, para mim e para a maioria dos brasileiros, esse governo é a única chance que teremos, na próxima década, de mudarmos o Brasil para muito melhor, mantendo-o distante da pequenez política e da corrupção. Liberdade de opinião não é prerrogativa de jornalista. Numa democracia de verdade, ela tem que valer para todos.

Mesmo com ajuda de médicos chineses e cubanos, ditador da Coréia do Norte Kim Jong-un,morreu.

A cúpula do governo norte-coreano teria tentado como ultimo recurso, a intervenção de uma equipe de médicos cubanos que desembarcou secretamente no pais,para tratar do ditador   Kim Jong-un, 36 anos. Ele faleceu neste sábado (25). Kim passou por complicações após cirurgia cardiovascular na semana passada e não resistiu. A informação é do site TMZ.

Uma revista japonesa relata que ele está em “estado vegetativo” após uma cirurgia cardíaca que deu errado.

A agência informa – citando um especialista em medicina chinês a par da situação – que Kim apertou o peito no início de abril e caiu enquanto visitava a região. Ele precisava de um procedimento de endoprótese, mas aparentemente … ou não foi feito com rapidez suficiente, ou foi completamente danificado pelo cirurgião – com alguns relatos dizendo que ele tinha mãos trêmulas.

 

Cresce o nome do Desembrgador Thompson Flores para o Ministério da Justiça

O presidente Jair Bolsonaro realizou neste sábado encontros com ministros do seu nucleo para decidir quem será o substituto de Sergio Moro no Ministério da Justiça. Entre os nomes cotados, está o do desembargador aposentado de São Paulo Ivan Sartori, o do desembargador Carlos Eduardo Thompson Flores, ex-presidente do Tribunal Regional Federal da 4ª Região,e o advogado-geral da União, André Mendonça, e também o do ministro da Secretaria Geral da Presidência e subchefe para Assuntos Jurídicos, Jorge Oliveira.
A ala militar também tem defendido que Bolsonaro indique para suceder Moro o nome de um jurista renomado ou de alguém que tenha o mesmo tamanho do ex-juiz. Neste caso,sobe de cotação o desembargador Carlos Eduardo Thompson Flores, ex-presidente do Tribunal Regional Federal da 4ª Região que deu toda cobertura para que o então juiz da 7a. Vara Criminal de Curitiba Sergio Moro,pudesse desenvolver com independência e tranquilidade seu trabalho à frente dos processo da Operação Lava Jato.

Coube a Thompson Flores,garanir em julho de 2018,a decisão do juiz Sérgio Moro, desautorizando decisão de um desembargador plantonista do TRF4 que havia determinado, de forma irregular, a  soltura do ex-presidente Lula.

Shopping Centers abrem em Caxias do Sul, Santa Maria,e agora Pelotas

O Shopping Pelotas, que estava fechado desde o dia 19 de março, reabrirá suas operações ao público na segunda-feira dia 27. O centro de compras irá operar das 11h às 19h, de segunda a sábado.
No interior,as grandes cidades começam a reabrir seus Shoppings. shopping de Pelotas é administrado pela AD Shopping. Na semana passada, foi reaberto também um shopping da BR Malls em Caxias do Sul, na serra gaúcha. A reabertura dos shoppings acontece conforme os municípios publicam seus decretos próprios de retomada do comércio após o governo do Estado ter flexibilizado o comercio passando a decisão para os prefeitos.