PELA UNIDADE, PCDOB PREPARA RETIRADA DA CANDIDATURA DE MANUELA

A senha foi dada pelo líder do PCdoB na Câmara, deputado Orlando Silva, ao defender que os partidos de esquerda se juntem em torno de um único nome se houver o risco de nenhuma das candidaturas do campo chegar ao segundo turno das eleições presidenciais. Em off, já admitem: o partido avalia apoiar outro candidato. Este nome pode ser Ciro Gomes,do PDT. O segundo movimento seria lançar Manuela ao governo do Rio Grande do Sul, com a mesma proposta de unir as esquerdas.

ONTEM, DISCURSO SINTONIZADO

Ontem, Manuela admitiu a possibilidade de recuar em nome da unidade,desde que o gesto seja seguido pelos demais partidos de esquerda. Ela fez a afirmativa,ao participar em Porto Alegre, de um fórum sobre reforma tributária promovido por entidades de agentes da Receita Federal e de auditores fiscais do estado.

BIBO NUNES ENFRENTE O FOGO AMIGO

Presidente do diretório municipal do PSL em Porto Alegre,e interlocutor constante do presidenciável Jair Bolsonaro, o jornalista Bibo Nunes, que é pré-candidato a deputado federal, lidera duas frentes de luta dentro do partido. A primeira, impedir a coligação com o DEM para a Câmara dos Deputados, o que segundo ele,serviria apenas para viabilizar a candidatura do atual deputado Onyx Lorenzoni. A outra frente, junto à presidente estadual,Carmen Flores,que está exigindo o pagamento de anuidades de todos os diretórios municipais do PSL.

FUP QUER DERRUBAR TEMER

A Federação Única dos Petroleiros admite que o priximo movimento revista, terá intenção clara: estimular uma greve geral, a partir das refinarias, pela queda de Michel Temer. A FUP imagina, equivocadamente, que a Justiça do Trabalho não se manifestaria em relação à legalidade do movimento.

DATAFOLHA VEM AÍ

Nesta quarta-feira, os pesquisadores estarão nas ruas de dezenas de cidades brasileiras,para medir a temperatura da eleição presidencial. A “Folha de S. Paulo” publicará domingo todo o material colhido, de acordo com o registro feito no Tribunal Superior Eleitoral. Segundo o ue consta no registro do TSE, há cenários com e sem Lula (quando Lula não aparece, há as opções naturais, Fernando Haddad e Jaques Wagner) e a inclusão de Josué Alencar na lista de candidatos.

A DEFESA DO ALMOÇO GRÁTIS

Pesquisa recente do Datafolha mostra um aparente desencontro entre expectativas e desejos da população em relação à greve dos caminhoneiros. Enquanto 87% dos pesquisados apoiaram a greve, outros 81% mostraram-se contrários a pagar os custos das reivindicações através de mais impostos. Ou seja: ainda há quem acredita na velha história de que existe almoço grátis.

PARA DEPUTADOS, ELEITOR GAÚCHO PODE DECIDIR SOBRE PRIVATIZAÇÃO

Está ficando dificil aprovar a autorização para os plebiscitos destinados a ouvir a população gaúcha sobre a privatização de empresas estatais. As manobras protelatórias da oposição, com apoio de deputados da base aliada,tornam dificil a aprovação do plebiscito sobre a privatização da CEEE, da CRM e da Sulgás. O quwe chama a atenção é o temor dos deputados em entregar a decisão psra os eleitores gaúchos. Sobra a impressão de que, para os deputados, os gáuchos não têm condições de decidir.

O Blog de Flavio Pereira